Marginalize-se
Eu não estou aqui para falar o que é certo o que é errado , cada um faz o que bem entender .
THEME ©
1 of 1991»
“Amar é mandar, achar que manda, obedecer, fingir que obedece. Amar é perguntar “tá dormindo?”, é descer do ônibus com o outro à espera, é cantar “she loves you yeah yeah yeah”, é morder queixo, orelha, cotovelo, panturrilha, lábio. Amar é comer uma coisa diferente e lembrar o outro, é ficar de mal, é arrumar tempo pra pensar no outro na correria do dia.”
Gabito Nunes. (via ga-bi-to)

“Desamarra a cara, perdoa minha voz alterada, meu olhar vazio, minha rispidez. Esquece a mágoa, aceita minhas desculpas, faz as pazes com meu coração. A vida é curta para a gente guardar rancor e alimentar desilusões.”
Gabito Nunes. (via ga-bi-to)

“Mais tarde, dormimos. Quer dizer, ela dormiu. Eu fiquei abraçadinho com ela. Pela primeira vez eu pensava em casamento. Sabia que seus defeitos ainda não tinham vindo à tona. O começo de uma relação era sempre a parte mais fácil. Depois o lado oculto ia se revelando, sem cessar. Mesmo assim, eu pensava em casamento. Imaginava uma casa, um cachorro e um gato, compras no supermercado. Os bagos do Henry Chinaski estavam amolecendo. E eu nem ligava.”
Charles Bukowski. (via escreve-e-voa)

“Desculpa meu jeito, meu mal jeito, minha falta de jeito.”
Caio F Abreu (via overdose-de-textos)


Ser melhor do que fui ontem é plano que a minha alma escolheu.



“Cuidado. Palavras machucam, e quem as ouve, nunca esquece”
Cory Buckman.  (via subornarei)


“E ela era doce como um limão, e tão calma quanto um furacão.”
O Criptograma de Kat. (via nitratos)